Como a pequena empresa pode minimizar os efeitos das crises? – Parte 2

O estado de pandemia do COVID-19, declarado em março deste ano, tem imposto muitos desafios e crise financeira. Além do medo e do isolamento social, a vida empresarial tem sido afetada, seja pelas dificuldades encontradas pelos funcionários, muitos dos quais estão trabalhando em modo remoto; seja pelo fechamento temporário de diversos estabelecimentos, afetando consideravelmente o consumo.

Em nosso último artigo, começamos a ver algumas medidas que podem facilitar a vida da pequena empresa diante de cenários de crise financeira. Assim, no artigo de hoje, você confere a segunda parte das dicas:

5. Conheça bem as dificuldades que sua empresa está enfrentando

Inicialmente, lembre-se de que não são poucos os obstáculos que as empresas enfrentam diante de uma crise financeira. As atividades podem ter sido reduzidas ou mesmo interrompidas diante de uma pandemia, o consumo pode ter caído drasticamente, os fornecedores podem ter cortado o suprimento, os funcionários podem ter que trabalhar à distância. Todos esses cenários prejudicam as vendas e, consequentemente, o faturamento da empresa.

Por isso, para sair de uma crise financeira, ou ao menos amenizar seus efeitos, é importante realizar um acompanhamento financeiro atento, diagnosticando o quanto antes todos os problemas que estão ocorrendo. Só assim você conseguirá pensar em soluções estratégicas assertivas, que efetivamente melhorem a sua situação.

6. Faça diferentes simulações durante a crise financeira

Um caso como o do novo coronavírus é inédito. Portanto, ninguém sabe ao certo como proceder ou por quanto tempo essa crise vai durar. Assim, o jeito é tentar fazer planejamentos para diferentes cenários.

Dessa forma, faça simulações financeiras e projeções de vendas em diferentes prazos, do mais otimista ao mais pessimista. Além disso, pense em como é possível resolver ou amenizar os problemas que você diagnosticou no tópico acima.

7. Pense em como a tecnologia pode te auxiliar na crise financeira

A internet tem adquirido importância ímpar e, muitas vezes, salvado a vida da pequena e da média empresa. Por isso, crie um site, redes sociais, divulgue seu negócio na internet. Além disso, tente pensar num plano de entrega a domicílio de seus produtos, se for possível. Isso tem ajudado muitos empresários a amenizar as consequências da crise financeira.

É claro que alguns encontros, eventos e viagens tiveram que ser cancelados. Ainda assim, tente realizar o que for possível, como negociações, reuniões e apresentações, por videochamadas.

Por fim, lembre-se de que sistemas online de gerenciamento de projetos e comunicação interna não são exclusividade de empresas grandes. Cada vez mais, o mercado tem oferecido soluções adequadas às companhias de pequeno e médio porte.

Para o sistema de home office, por exemplo, esse tipo de plataformas, além das redes de e-mail e telecomunicações, é mais importante do que nunca para manter as equipes informadas, cuidar das finanças do negócio, tirar dúvidas, fazer reuniões, enfim, manter a empresa viva. Apenas certifique-se de que todos os envolvidos estejam familiarizados com o funcionamento desse tipo de plataforma.

Concluindo, mesmo à distância, a Via segue funcionando e prestando auxílio a todos os nossos funcionários. Contabilidade, finanças, gestão de pessoas e geração de relatórios em tempo real é com a Via.

VIAA plataforma inteligente que trabalha por você!

Não saia ainda, deixe seus dados que vamos surpreender você!